DIRETAS JÁ!

DIRETAS JÁ!

terça-feira, 27 de junho de 2017

Indignação seletiva dos eleitores de Aécio Neves e do antipetismo em geral por Barbara Gancia


A jornalista Barbara Gancia, aquela mesma que dava sempre uma boa opinião no programa “Saia Justa” do canal GNT, relacionou 13 pontos para ajudar a esclarecer, com boas doses de humor, o comportamento político (isso mesmo, político) do que ela definiu como a “indignação seletiva dos eleitores de Aécio Neves e do antipetismo em geral”.


Gancia expõem a postura dos setores mais conservadores, reacionários e autoritários da sociedade que apoiaram o impeachment de Dilma Rousseff, se valendo da surrada argumentação de estarem lutando contra a corrupção. Coloco os 13 pontos de Barbara Gancia porque me interessa entender mais e melhor sobre essa quase metade do eleitorado brasileiro que quase levou um homem, com um extenso currículo criminoso, à presidência da República.


Mas, não pretendo culpar ninguém, pois já não basta a vergonha de saber quem de fato é e o que fez e faz Aécio Neves? Analisando bem, não é fácil ser coxinha de direita (desculpem-me a redundância) neste Brasil submergido no caos e na lama. Não bastasse ter descoberto que votaram num larápio contumaz do dinheiro público, coxinhas de todas as cores tiveram que aceitar que, por exemplo, Lula e seu filho não são donos da JBS e que o verdadeiro chefe daquela quadrilha que atua em nível federal é Michel Temer e não Lula. Mas, nada se compara ao fato de ter que lidar com a mãe de todas as verdades que é o fato de que o coxinha é um ser despolitizado e facilmente manipulável em prol de interesses espúrios.


Os eleitores de Aécio se comportam mais ou menos assim por Barbara Gancia.

1) -"Não sou nem de esquerda, nem de direita, sou pelo Brasil!" - (é de direita).

2) -"Não tenho partido, meu partido é o Brasil!" - (vota no PSDB).

3) -"Quero que a corrupção seja combatida no PT, PSDB ou PQP!" - (quer que a corrupção seja combatida apenas no PT. No perfil pessoal, só tem publicações contra o PT. Contra o PSDB ou PQP, nada).

4) -"Não sou coxinha nem petralha, sou brasileiro!" - (é coxinha).

5) -"Quero meu país livre da corrupção!" - (vota em Alckmin há 15 anos).

6) -"PT gosta de sustentar vagabundo!" - (perdeu a escrava doméstica e tá tendo que lavar os pratos).

7) -"PT dá casa pra vagabundo!" - (é proprietário de várias casas para alugar e estão encalhadas).

8) -"Estou indignado com tanta corrupção!" - (segurou o cartaz 'Somos milhões de Cunhas').

9) -"Nenhum político presta!" - (é analfabeto político).

10) -"Tempos bons eram os de FHC!" - (é patrão e não paga direitos trabalhistas nem tira nota fiscal ).

11) -"Não sou de direita, mas tem que tirar essa vagabunda do poder!" - (votou em Aécio e está com o avatar de Bolsonaro na foto do perfil).

12) -"O PT não ensina a pescar e ainda rouba os rios e o anzol!" - (é fã de Lobão, 
assina a Veja, assiste e ri com Danilo Gentili, e publica 'pensamentos' de Arnaldo Jabor).


13) -"Não bato panelas contra partido A ou B, mas contra a corrupção!" - (tem que bater uma panela de pressão na própria cabeça).

Nenhum comentário:

GilBlog - Arquivo

ÚLTIMO ARTIGO PUBLICADO

ÚLTIMO ARTIGO PUBLICADO
Este foi um dos últimos artigos que publiquei: “SOMOS TODOS UM BANDO DE ARAMIS". Neste artigo analiso porque somos avessos à consolidação de nossa democracia. Discuto a contradição de praticarmos procedimentos democráticos enquanto cevamos um ancestral saudosismo de nosso passado ditatorial. Sugiro refletirmos sobre o paradoxo de parte da sociedade usar a liberdade de expressão para pedir um regime que pode acabar com ela. http://www.paraibaonline.com.br/colunista/santos/9920-somos-todos-um-bando-de-aramis---parte-i.html

OBRAS DE ARTE EM FORMA DE VINIL

OBRAS DE ARTE EM FORMA DE VINIL
Este é o primeiro disco do Pink Floyd. Já começou assim mesmo: psicodelizado, distorcido, viajadão, cheio de efeitos! É daqueles discos para ouvir vez por outra acompanhado de algo que te dê alguma distorção mental. Aliás, o Floyd começou muito bom, esteve uma época fantástico, e terminou bom! Neste disco temos Syd Barret com Roger Waters, Rick Wright e Nicky Mason, sem David Gilmour, ainda.

Postagens populares

Total de visualizações de página

Seguidores

Google+ Followers